Poesia infantil: leitura que encanta

Só quem já mergulhou em uma deliciosa leitura sabe como é divertido explorar novos mundos através dos versos encantadores que só as poesias possuem, não é? A poesia é uma ferramenta que desperta no aluno o amor pela língua materna, pois seu ritmo e rimas fazem com que a descoberta da linguagem se torne ainda mais divertida. Você sabia que através de um único texto poético é possível realizar diversas leituras? É isso mesmo! Isso ocorre pois não se trata de um texto de compreensão e significação únicas. Pode-se dizer que a leitura transcende olhares fazendo com que cada leitor adapte a leitura a sua realidade. Legal, né? Além de nos entreter, as poesias ajudam os alunos a praticarem a leitura, a interpretação de texto, a criação e, claro, a reflexão. Pensando nisso, hoje trouxemos uma seleção de leituras, que estão organizadas por autores, para você fazer destas férias as mais divertidas de todos os tempos. Confira!

● Cecília Meireles: “Ou isto ou aquilo”, “O menino azul”, “Leilão de jardim” ● Vinícius de Moraes: “O gato”, “A porta”, “As borboletas” ● Ferreira Goulart: “O sapo” ● Rosana Rios: “Guarda-chuvas” ● Casimiro de Abreu: “Meus oito anos” ● Pedro Bandeira: “Pontinho de vista” ● Sergio Capparelli: “Canção para ninar dromedário”

Fonte https://www.escrevendoofuturo.org.br/caderno_virtual/texto/meus-oito-anos/index.htmlhttps://www.escritas.org/pt/poemashttps://www.tudoepoema.com.br/rosana-rios-guarda-chuvas/https://poesiaspreferidas.wordpress.com/2013/08/16/o-sapo-ferreira-gullar/http://poesiaparacrianca.blogspot.com/2010/08/cancao-para-ninar-dromedario.htmlhttps://poesiaspreferidas.wordpress.com/2015/10/11/pontinho-de-vista-pedro-bandeira/

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *