O equilíbrio é a base fundamental entre criança e tecnologia

Há um mundo além das telinhas, basta apenas procurá-lo.

Atualmente as crianças se inserem no mundo da tecnologia cada vez mais cedo. Aos 10 anos – ou até antes – ganham seus primeiros smartphones. Estudos, realizados em 2019, apontam que em um ano cresceu, aproximadamente, de 23% a 30% o número de crianças que têm celular entre 4 e 6 anos. Ao todo, cerca de 83% das crianças brasileiras, entre 0 e 12 anos, utilizam smartphones. O que pode ser positivo, quando usamos a tecnologia de modo a agregar nosso conhecimento. A exemplo, citamos alguns aplicativos que podem ajudar no processo educacional dos pequenos: “ABC do Bita”, que ajuda na alfabetização e “Floresta sem fim”, que colabora com a aprendizagem sobre a fauna brasileira. Com certeza há muitos outros! Mas devemos ressaltar que quando se trata de tecnologia, o equilíbrio é fundamental!
Crianças entre 0 e 12 anos utilizam os celulares, diariamente, por quatro horas ou mais consumindo conteúdos na internet. Cerca de 50% deste tempo poderia ser aproveitado na natureza, por exemplo, aprendendo hábitos sustentáveis! Já que o contato com o meio ambiente ensina novas cores, texturas e milhares de novos aprendizados. Sem contar, que a criança aprende a importância de cuidar do próprio planeta.
Livros também são bons para reforçar a aprendizagem! Além de sensacionais e praticamente melhores amigos da educação, os livros estimulam a criatividade e levam as crianças a conhecerem diversos mundos em um só lugar.
Aprimorar dotes culinários ou brincar de jogos de tabuleiro também são ótimos para passar o tempo e relembrar o que as crianças aprendem na escola, como estratégia, porcentagem, etc. Além disso, reforçam a coordenação motora e estimulam o pensamento crítico, ajudando na tomada de decisões. Aos poucos, a criança vai criando autonomia sem precisar passar o tempo todo no celular.
Tudo isso incentiva o processo de aprendizagem dos pequenos. Fazendo com que eles cresçam sem dependerem totalmente da tecnologia, sejam justos, críticos e criativos. Qualquer atividade, feita na medida certa, pode colaborar na evolução das crianças. Como já dissemos: O equilíbrio é fundamental, sempre!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *